NOTA: 4.5

Mais uma temporada de anime. Muitos e muitos anime. Mas qual temporada de anime ficaria completa sem sua dose de slice-of-life? Abram alas para o novo G.A., Lucky Star ou Hidamari Sketch: Nichijou.

Sinopse:

Como falar sobre a história de uma comédia slice-of-life? Realmente, é algo meio impossível.

O episódio de estréia, 00, conta três histórias curtas sobre alguns personagens que, supõe-se, são os protagonistas da série (com um episódio vocês não podem querer que eu me lembre de todos os nomes, não é mesmo?).

A primeira parte conta sobre os bravos esforços de uma menina, chamada Mio se não me engano, que, após forçar sua colega, Yukko, a revelar que tirou apenas 1 num teste tenta fazê-la se sentir melhor. Por mais confuso que isso tenho soado, com certeza você vai se divertir assistindo a essas cenas da mais deslavada cara-de-pau do mundo quando a Mio começa a elogiar a Yukko descaradamente.

A segunda parte conta sobre uma menina loira (que eles chamam de ‘Professora’ então suponho que seja uma gênia) que pegou um resfriado mas não quer tomar o remédio porquê ele é muito amargo. É, também, uma parte muito divertida e toda vez que ela tenta assoar o nariz com a manga do jaleco e a assistente a interrompe me fez rir.

A última parte retoma nossas duas protagonistas da primeira parte, Mio e Yukko, com a outra menina de cabelos pretos e óculos, Mai. Elas percebem que estão sozinhas na estação de trem e se emplogam. Logo em seguida, quando o trem chega, elas descobrem que também estão sozinhas no trem e aproveitam para fazer coisas que nunca puderam antes. Apesar de curtinho, é um trecho bastante divertido.

Análise:

Eu acho grosseria comparar essa série com qualquer outra desta temporada que não seja do mesmo gênero. Alguém pode falar ‘a arte é horrível’, ‘a história é fraca’, ‘não tem fanservice’, mas não é a isso que o anime se propõe. Como nos anime que eu citei na introdução, este aqui simplesmente quer que você sente, relaxe e dê uns risinhos com as situações bobas, e até mesmo ridículas, que são vividas pelas protagonistas.

E, novamente como os anime que eu já tinha citado, este consegue alcançar isso com maestria, deixando um ar ‘light’ o episódio todo.

Uma ótima pedida para os fãs do gênero!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s