NOTA: 4.0

Enquanto não começa a segunda temporada desse anime, vale a pena relembrar um pouquinho do que aconteceu até aqui.

Sinopse:

Moritaka Mashiro e Akito Takagi são dois garotos que se unem num só objetivo: se tornarem os melhores mangaka do Japão. Mas eles vão ver que o caminho não é nada fácil, nessa grande jornada eles terão que passar por vários desafios pra finalmente publicarem o seu primeiro mangá. Essa primeira temporada se encarrega de mostrar detalhadamente todas as etapas desse processo.

Para se tornar um mangaka não basta simplesmente escrever uma história e ilustrá-la bem. A dupla teve que se associar a uma editora para cumprir os vários requisitos da crítica e do público. Quem os ajuda nessa tarefa é um sujeito chamado Akira Hattori, ele é um editor da JACK e dá algumas dicas fundamentais para o sucesso da dupla.

Mashiro e Takagi embarcam destemidos nessa jornada, eles são exigidos ao máximo para melhorar o mangá. Mashiro ficou responsável pela arte e o Takagi pela história, eles formam uma dupla e são totalmente dependentes um do outro. Com isso, surgem vários problemas que quase provocam a separação da dupla. Dentre eles, está o namoro de Takagi com a Kaya Miyoshi, a rivalidade com um gênio dos mangás (Eiji Niizuma) e sem falar das dificuldades que surgem todos os dias.

Essa temporada mostra a primeira parte dessa jornada. Eles conseguiram resultados muito bons, mas ainda tem muito caminho pela frente. Na segunda temporada veremos se eles vão de fato alcançar esse sonho!

Análise:

Um anime capaz de te deixar com o sonho de se tornar mangaka (ou não).

A cada episódio são mostrados novos recursos e técnicas que são utilizados na produção dos mangás, vai desde a melhor caneta para ser usada até as grandes competições para o surgimento de novos artistas. É muito bom poder ver o Mashiro e o Takagi se esforçando para fazer o melhor mangá e no final conseguirem resultados surpreendentes; tudo acontecendo num cenário de rivalidade e problemas corporativos das editoras.

Não é tarefa fácil, ao mesmo tempo que o anime te deixa por dentro do assunto, ele mostra as dificuldades (e não são poucas!) para se criar um mangá. Confesso que até fui influenciado a fazer um projeto de mangá. Fiquei exausto tentando fazê-lo e notei que era algo totalmente utópico conseguir algum sucesso com isso. Só de pensar em todo o trabalho que Mashiro e Takagi tiveram pra fazer o seu primeiro mangá… Seria uma tarefa praticamente impossível! (Sem falar que eu nem moro no Japão).

De todo modo, o anime foi capaz de me influenciar. A sua história ilustra de maneira agradável o dia a dia dos mangaka. Além disso, sua trama envolve também os relacionamentos dos personagens principais. Uma cena constrangedora do final do primeiro episódio (Mashiro pede em casamento a menina que ele gosta, Miho Azuki) serviu como introdução para aquilo que é um dos pontos principais do anime; ambos, Mashiro e Miho, preferem permanecer separados até o dia que conquistarem os seus sonhos.

Desse modo, todas as expectativas ficam para a próxima temporada. Na qual esses sonhos podem se tornar realidade ou uma surpresa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s