NOTA: 4.0

Um episódio assustador, dois casos sombrios e duas falhas do trio Sket-dan.

Sinopse:

J-son é professor de um “clube de jardinagem” e está com problemas pra arrumar namorada. Não só o seu nome é semelhante ao famoso Jason dos cinemas, mas como ele por completo é. Seu “rosto máscara”, sua personalidade e a sua paixão por serras elétricas fazem dele uma criatura assustadora, o Jason em pessoa.

Mesmo num clima assustador o trio se dispõe pra ajudar o coitado. Depois de horas tentando fazê-lo mais apresentável, levaram-no para conhecer a sua pretendente. O mais engraçado é que apesar de o encontro ter sido um fiasco (J-son quebrando a cara e xícara na mesa) a sua pretende estava gostando dele. Até ele se empolgar e se sentir à vontade pra expressar o seu hobby favorito: imitar o som de serras elétricas!

Depois de terem falhado nessa primeira tarefa o trio recebe um sujeito pra lá de esquisito, um cara chamado Date. Ele vive imerso num mundo caracterizado pelo estilo das bandas Visual Kei, então tudo o que ele fala está totalmente desconectado com a realidade. O trio quase vai a loucura tentando entendê-lo e no final conseguem uma pseudo-solução do caso.

Análise:

Até que enfim apareceu o último cara que restava na abertura! E que figura sinistra! Fascinado com Visual Kei, não consegue conversar com as pessoas normais…Até que o anime ilustrou bem o mundo de Date, ao dar uma resposta o cenário ia pra um metrô ou um lugar isolado e palavras surgiam do além… Pelo que parece o aspecto mais comum nele é gostar de Naruto!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s