NOTA: 5.0

Árvores que representam vidas.

Sinopse:

No caminho para casa, Daikichi fala sobre uma tradição da família que consistia em plantar uma árvore para cada novo membro. Assim, ele poderia comparar o seu tamanho com o tamanho da árvore. Para o Daikichi, foi plantada uma oliveira perfumada, Rin queria que plantasse para ela uma nespereira. Eles plantaram e ela se divertiu dando os primeiros pulos sobre a sua árvore.

Mas Rin comentou sobre um problema, a árvore representava a idade da pessoa e ela já tinha seis anos, o que daria uma diferença significativa. Daikichi concordou e foi conversar com a Masako para saber se tinham plantado uma árvore para a Rin. Ela se lembrou de uma oliveira perfumada e Daikichi foi até a casa de sua mãe buscar essa árvore.

Enquanto ele procurava, Rin passeava com a “avó” pelo jardim e pôde ver a árvore do Daikichi ao lado da árvore da Kazumi. Depois de coletar a árvore da Rin, Daikichi se depara com a majestosa oliveira de sua mãe. Ele plantou a oliveira perfumada da Rin no jardim de sua casa e já pôde acompanhá-la nas suas primeiras medições com a árvore.

Análise:

Sentiu vontade de plantar uma árvore? Eu fiquei com esse desejo… É uma tradição muito bonita e uma ótima ilustração da família, cada um com a sua árvore para contar a sua história. Um exemplo disso é a oliveira da Rin, que ainda é pequenina e frágil, mas contrasta com a figura imponente da oliveira da mãe do Daikichi.

Daikichi continua tendo mais e mais lições de pai, nesse episódio teve que verificar os deveres de casa da Rin e deu um apito pra servir de alerta contra sujeitos mal encarados. Mas quem acabou ficando com o apito foi o Kouki, que aos poucos vai revelando a sua identidade de pestinha. Daikichi passou maus momentos com ele, mas em breve os dois terão que se acostumar com a proximidade.

Usagi Drop segue se superando, construindo uma história sem apelar para o melodrama e deixando que a mesma vá nos comovendo aos poucos. Está muito bom! Já valeu a pena pelos seis primeiros episódios que acompanhei, independentemente do final. Mas se o final corresponder ao que ele apresentou até aqui, com certeza, estará entre os meus favoritos!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s