NOTA: 4.0

Okabe teve que derramar o próprio sangue para por um final na história.

Sinopse:

A última missão planejada pelo Okabe era simples, ele apenas precisava forjar a morte da Makise. O acontecimento inevitável da outra linha do tempo era vê-la morta, mas isso não significa que ela necessariamente deveria morrer. Então Okabe passou a coletar seus instrumentos para essa nova missão e levou consigo um líquido que simularia o sangue. Essa seria a sua última chance por causa da falta de combustível na máquina, mas tudo estava acontecendo conforme o planejado: eles voltaram pra cena do crime, Okabe trocou o metal upapor um upa qualquer, seguiu a Makise e se escondeu atrás das caixas, restava paralisá-la com uma descarga elétrica e derramar o sangue falso. No entanto, o líquido secou, ficando inutilizável para o seu objetivo.

Não vendo alternativa, Okabe teve que derramar o seu próprio sangue para montar o cenário; para isso ele incitou a raiva no pai da Makise, que retribuiu dando-lhe uma facada na barriga. Okabe juntou todas as suas forças para retirar a faca e enfiar a mão na ferida, assim jorrando sangue suficiente para montar a cena. Antes de terminar a missão, ele preferiu se esconder no vão do corredor para observar a si mesmo olhando a cena. O resultado foi perfeito, o seu sangue e Makise paralisada no chão simularam muito bem um cenário de morte.

Voltando para a linha do tempo normal ele tratou de seus ferimentos no hospital, e em seguida saiu distribuindo uns broches representando os membros do laboratório. Ele tinha feito um pra cada, para os que já faziam parte da equipe, para aqueles que estavam entrando, e para aqueles que entrariam num futuro razoavelmente distante (como no caso da Amane, que viria só sete anos depois). Os documentos da máquina do tempo passaram pelo detector de metais e queimaram no compartimento de carga do avião, assim não existiria mais a disputa das máquinas do tempo e a Terceira Guerra Mundial seria evitada.

E finalmente, os dois principais se encontram pela última vez na história, ela queria agradecê-lo e ele queria apenas vê-la viva para entregar o broche de membro do laboratório. Um encontro que refletiu as infinitas possibilidades que o futuro pode reservar.

Análise:

O episódio final de um grande anime e eu diria que foi bom, mas não correspondeu à altura. Tirando as últimas cenas em que o Okabe sai distribuindo os broches (que por sinal são muito boas) acredito que o resto deixou a desejar. Estou me referindo à missão final do Okabe, o próprio Daru falou que é muito simples, e de fato é muito simples; o problema é que para o Daru não vai fazer a mínima diferença se a missão for simples ou não, mas para alguém que estava assistindo a série e esperava algo extraordinário (como foi cantado no episódio anterior) o gosto que fica é de decepção. É claro que eu estava ignorando o fato de que restava apenas um episódio, e para o meu final desejado seria necessário mais alguns episódios, desenvolvendo assim uma boa missão. Mas de todo modo, o final foi um pouco fraquinho, imagino que seria possível trazer algo mais inovador e não apenas cumprir a missão da maneira mais simples.

Contudo, a decepção está totalmente ligada com as expectativas, e como as minhas eram as maiores possíveis eu acabei ficando com esse gosto. Mas se você não tinha grandes expectativas ou se esse episódio correspondeu às suas otimistas expectativas, temos aqui o encerramento de um fantástico anime. De um Steins;Gate que será sempre lembrado pelos grandes momentos vividos pelo cientista maluco mais querido que já apareceu na tela do seu computador, pelos experimentos surpreendentes resultando em gel-bananas, por um sujeito misterioso que veio de outro mundo se intitulando de John Titor e trazendo teorias inovadoras sobre viajem no tempo, pelos momentos de alta tensão passados sob a ameaça da SERN, pela invenção dos D-mails, pelos atitudes heróicas que Okabe teve que tomar para salvar Mayuri…Enfim eu poderia listar uma infinidade de boas lembranças de Steins;Gate, mas paro por aqui porque já acho que é o suficiente para lembrarmos do quão boa foi essa série. Não poderia considerá-la perfeita porque tudo girava em torno desse episódio final, mas de que trará boas lembranças eu tenho certeza.

Link do episódio (legendado em inglês): Steins;Gate- Ep 24

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s